0

Balanços e expectativa com agenda do Congresso dão ânimo aos investidores

Fechar

03 de fevereiro de 2021

Acesse o link para o texto completo.

Por Weruska Goeking, Valor Investe — São Paulo

Fique de olho

As bolsas nas Europa e os índices futuros dos Estados Unidos sinalizam novo dia de ganhos empurrados por resultados corporativos e a percepção de que a guerra travada entre gestores de fundos e pequenos investidores pode ter se esvaziado.

“Os mercados internacionais respiram aliviados já que a bolha das ‘meme stocks’ foi rompida. Ontem a GameStop caiu mais de 60%, a prata voltou para patamares normais, o que leva a crer que esse episódio já ficou para trás”, afirma Mauro Morelli, estrategista da Davos Investimentos.

Balanços lidos como positivos das gigantes de tecnologia dos Estados Unidos também colabora com o bom humor, sem tirar o olho das negociações em torno do novo pacote de ajuda à economia americana.

“O mundo está com uma liquidez gigantesca e para os mercados caírem precisa de notícias ruins e constantes. O simples fato de não termos uma notícia ruim, dado o excesso de liquidez, o mercado deve continuar subindo”, diz Morelli.

Sem Carnaval para dar início “de verdade” ao ano no Brasil, a abertura dos trabalhos no Congresso deve cumprir esse papel. Pelo menos essa é a expectativa dos investidores.

Os novos presidentes do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), e da Câmara, Arthur Lira (PP-PB), divulgarão amanhã, às 9h, uma declaração conjunta de acordo em torno de uma agenda prioritária para o Congresso.

A votação do Orçamento deste ano, que estava pendente por uma briga entre Lira e seu antecessor, Rodrigo Maia (DEM-RJ), é uma das preocupações e será acelerada para que ocorra até o início de março. A aprovação das reformas tributária e administrativa no médio prazo também estão nas prioridades.

“A percepção de que o governo não sofrerá oposição pesada, como ocorria até recentemente dadas as vitórias expressivas nas casas legislativas, traz a expectativa de que as reformas paradas no congresso possam ganhar corpo daqui em diante. Ao menos, não existe razão agora para o governo não as enviar ao Congresso e nem desculpas para a falta de propostas decentes”, afirma Jason Vieira, economista-chefe da Infinity Asset.

Bolsas internacionais
As bolsas na Europa operam em alta e os índices futuros de Nova York seguem a mesma direção, com resultados positivos de Amazon e Alphabet.

As principais bolsas asiáticas fecharam em alta, com exceção dos índices acionários chineses, com os investidores apostando na eventual aprovação de uma versão relativamente grande do pacote fiscal do presidente Joe Biden. O avanço se seguiu a uma ampla recuperação em Wall Street, com contribuições sólidas de grandes empresas de tecnologia, bancos e outros setores.

Acesse o link para o texto completo.

Para acessar esse conteúdo é necessário registrar-se.

You have successfully subscribed to the newsletter

There was an error while trying to send your request. Please try again.

Davos will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.